Chuvas em Minas: participe da ação solidária em Sabará e Santa Luzia

O início de 2022 tem sido de muita chuva em praticamente toda Minas Gerais. O grande volume de chuva continuada trouxe, nos últimos dias, apreensão e dificuldade para muita gente nos mais de 853 municípios do Estado.


Por isso, a Asttter resolveu unir forças e convocar os associados para ajudar famílias em algumas das regiões mais afetadas.


Você pode doar qualquer valor. Basta entrar em contato com o nosso atendimento por meio do Whatsapp (31) 3263-2800 e autorizar o débito do valor desejado. Quer dar a sua contribuição agora? Clique aqui e autorize o débito em sua conta bancária. Se preferir, você pode fazer também sua transferência via Pix utilizando a chave aleatória 893cd234-892c-4e10-af11-c779382b9c1c.


Caso prefira, estamos arrecadando material de limpeza novos para doação a organizações que tem recebido e amparado desabrigados nas cidades de Sabará e Santa Luzia.


Sugestões de itens que podem ajudar:
  • caixas de sabão em pó
  • detergente
  • água sanitária
  • rodo
  • vassoura
  • pano de chão
  • baldes
  • água potável

Os itens podem ser entregues na portaria da Asttter (Avenida Afonso Pena, 2522). Vamos montar kits que serão entregues nas seguintes organizações:


ONG Solidariedade Todos Juntos Sempre, de Santa Luzia (indicada pela associada Jéssica Graziele) – Rua Nossa Senhora Aparecida, 88 – bairro Idulipê – Santa Luzia/MG – @ongsolidariedadetjsempre

Historicamente, a instituição oferece cursos de formação na região mas, durante essa situação de calamidade, estão produzindo mais de 700 marmitas por dia para atender pessoas em necessidade nos bairros Pantanal, Barreiro do Amaral, Macaúbas e Nova Boa Esperança. Para suprir a necessidade de material de limpeza para essas famílias retornarem aos seus lares, a entidade precisa da sua ajuda.


Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Sabará (indicada pela associada e Diretora de Projetos e Benefícios da Asttter, Sheyla Mendes) – R. São Pedro, 71 – Centro, Sabará/MG

A Prefeitura Municipal da cidade tem ajudado com o que pode, mas devido a enorme quantidade de desabrigados não consegue atender a todas as necessidades. A Secretaria tem o papel de canalizar as doações que chegam. Foram estabelecidos em quatro abrigos em diferentes bairros da cidade, e além dos assistidos nesses locais, outros atingidos cadastrados estão abrigados em casa de amigos e parentes. Felizmente não tem faltado alimento às pessoas, mas o material de limpeza para lidar com a situação de momento é a maior necessidade.


Juntos podemos amenizar a dor dessas famílias e trazer um pouco de alívio nesses tempos difíceis. Venha conosco!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.